Convite de casamento: como escrever os nomes dos convidados?

By Marina Pastore

duvidas sobre convite de casamento

Crédito da imagem: CDAM

Na época em que eu era noiva, uma das principais dúvidas que tive foi na hora de endereçar os convites de casamento. Tem um monte de regrinhas (chatinhas, diga-se de passagem) que norteiam a forma de escrever os convites. Mas acho que atualmente está tudo mais reflexível. Hoje trago para vocês, um questionário que fiz para a minha cerimonial na época (Helena, da Dulce Menezes), com as minhas maiores dúvidas na época. A Helena respondeu bem pacientemente e acho que pode ajudar vocês:

  • Sempre o nome do homem vem primeiro? Se fizer o contrário contradiz a etiqueta?

Não necesariamente. Se não forem casados, não tem problema. Por exemplo: Juliana e Fábio. Ou Juliana Cavalcanti e Fábio Silva.

  •  Convite dos padrinhos: deve-se colocar “aos padrinhos”? É necessário ou obrigatório? 

Não é obrigatório, mas é de bom tom colocar .

  •   Ao convidar um casal cujo apenas um deles é padrinho, é preciso fazer dois convites? 

Nesse caso, você pode colocar “Ao padrinho Luiz Carlos e Julia Macedo” ou só o nome dos dois. Não precisa fazer dois convites.

  • Pessoas com sobrenome muito grande, é possível abreviar? Deve-se usar o nome e o último sobrenome obrigatoriamente ou é possível usar o sobrenome mais conhecido? 

Pode abreviar sim, pelo sobrenome mais conhecido ou pelo último.

  • Quantos convites a mais recomenda-se fazer? 

É interessante em torno de 10% a mais.

  • Quando se trata de um casal, como colocar? Fulano & Esposa? Fulano & Fulana? Fulano & Sra? 

José da Silva e Sra (caso ela tenha assumido o sobrenome dele) ou o nome dos dois (como no primeiro caso). Claro que colocar sobrenome ou não vai da intimidade que vocês tem com o casal. JAMAIS coloque Fulana e esposo, ou Fulana e Sr.

  • No caso de uma pessoa separada com filhos, como colocar? Fulano&Família? Fulano&Filhos?

Tanto faz neste caso.

  • No caso de um casal com filhos e mais a sogra de um deles (que mora junto), colocamos Fulano&Família? Ou damos um convite separado para a sogra? 

Se você puder, seria interessante fazer um convite separado. Se não, colocar “e família”, mas neste caso seria interessante entregar num momento que estivessem todos juntos.

  •  No caso de uma família que um dos filhos tem uma namorada, podemos colocar fulano & família apenas? Ou temos que dar um convite separado para a namorada também? 

Neste caso não, pode ser só “e família”.

  • Com quanto tempo de antecedência convidar os padrinhos? 

O ideal é 6 meses. Como os convites não estarão prontos ainda, você pode fazer um “save the date”bonitinho por e-mail, ou reunir para um jantar, barzinho, enfim.

O pessoal do CDAM, que fez os meus convites de casamento, também passou um esqueminha bacana sobre como escrever os nomes dos convidados nos convites:

  • A maneira tradicional de subscritar os convites é o nome do homem e Sra, por exemplo: Pedro Maia e Sra.
  • No caso da família ser convidada, escrever: Pedro Maia e Família.
  • Para amigos íntimos, fica a critério dos noivos colocar ou não o sobrenome, podendo deixar apenas: Pedro e Carolina.
  • Quando são namorados apenas, se coloca o nome dos dois: Pedro Maia e Carolina Dias.
  • Quando a mulher é mais amiga do que o homem, se os noivos preferirem, podem colocar o nome da mulher por primeiro, exemplo: Carolina e Pedro, Carolina Dias e Pedro Maia ou apenas Carolina Dias e Pedro.

Não existe uma regra, fica a critério dos noivos definir o grau de formalidade que desejam dar aos convites.

 VEJA TAMBÉM TODOS OS NOSSOS POSTS SOBRE PAPELARIA E CONVITES DE CASAMENTO.

Share Button
You might also like

3 Comments on Convite de casamento: como escrever os nomes dos convidados?

  1. larissa
    14 de maio de 2013 at 22:04 (2 anos ago)

    vou casar em 2014, ta uma locura ja estou o buffet e tudo mais ta uma correria

    Responder
  2. Lorena
    18 de setembro de 2012 at 20:38 (2 anos ago)

    Adorei Marina, nem comecei a ver os convites, mas certeza que essas dúvidas iriam surgir!

    Responder
    • Marina Pastore
      18 de setembro de 2012 at 20:51 (2 anos ago)

      Que bom que gostou, Lorena! Realmente, são dúvidas que surgem mesmo e, pelo menos para mim, ajudou bastante. :)

      Responder

Leave a Reply